terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Cristãos Católicos e Greco-Católicos, Anglicanos, Luteranos e Ortodoxos do Algarve voltam a rezar juntos


Cristãos Católicos e Greco-Católicos, Anglicanos, Luteranos e Ortodoxos do Algarve voltam a rezar juntos.
Este ano será na igreja de São Francisco, em Faro, que as Igrejas cristãs do Algarve se reunirão para, em conjunto, assinalar a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, que amanhã se inicia prolongando-se até ao próximo dia 25 de janeiro.
Os cristãos residentes no Algarve (católicos e greco-católicos, anglicanos, luteranos e ortodoxos) rezarão em conjunto, no próximo sábado, 21 de janeiro, pelas 16h.
‘Reconciliação: é o amor de Cristo que nos impele’ é o tema da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos de 2017, inspirado numa passagem da segunda carta de São Paulo aos Coríntios.
Os textos para este oitavário foram preparados e publicados em conjunto pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos (Santa Sé) e a Comissão Fé e Constituição (Conselho Mundial de Igrejas).
A Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos começou a celebrar-se em 1968 e teve como primeiro tema ‘Deus salva-nos por Cristo, Para louvor da sua glória’ (Novo Testamento Efésios 1,14).
A comunidade católica integra hoje perto de 1200 milhões de fiéis; a segunda Igreja mais representativa, a ortodoxa, atinge os 250 milhões.
Recorde-se que, as principais divisões entre as Igrejas cristãs ocorreram no século V, depois dos Concílios de Éfeso e de Calcedónia (Igreja copta, do Egito, entre outras); no século XI com a cisão entre o Ocidente e o Oriente (Igrejas ortodoxas); no século XVI, com a Reforma Protestante e, posteriormente, a separação da Igreja de Inglaterra. Luteranos (75 milhões), calvinistas/presbiterianos (80 milhões) e anglicanos (77 milhões) são as principais comunidades das chamadas ‘Igrejas tradicionais’ provenientes da Reforma, a que se juntam aos 60 milhões que se encontram ligadas ao metodismo.
com Ecclesia
 publicado na folha de domingo, algarve

Sem comentários:

Enviar um comentário